jump to navigation

Feliz 2012! dezembro 31, 2011

Posted by rpellanda in Notícias.
add a comment

No espírito de Noite sem Fim, desejo que seu 2012 seja um grande clube de leitura e que seus livros nunca sejam proibidos!

Feliz Ano Novo!

Abraços,

Roberto Campos Pellanda

Anúncios

Os Knucks dezembro 11, 2011

Posted by rpellanda in Noite sem Fim, Notícias.
1 comment so far

Arte do Knuck: Licínio de Souza Ribeiro para série O Além-mar

“A criatura que todos temiam tinha um nome: Knuck.

Ninguém sabia qual a sua origem, o que queriam ou por que odiavam as pessoas da Vila com tanta intensidade. Eram seres monstruosos que vinham do Além-mar e traziam morte e destruição quando apareciam. Felizmente, a última incursão dos monstros havia sido há mais de quinhentos anos. Naquela ocasião, porém, um quarto da população da Vila tinha sido morta nos combates ou sequestrada e levada para o Além-mar nos barcos dos Knucks.

A descrição física que se tinha deles vinha de livros e manuscritos feitos por sobreviventes na ocasião da última incursão. Os Knucks tinham formato humanoide, com braços muito compridos que quase encostavam no chão; a pele era branca, como se fossem albinos, e tinham grandes olhos brancos sem pálpebras. Os dentes eram pontiagudos como agulhas e tão longos que quase impediam que a boca se fechasse. Não tinham pelos ou cabelos e, no lugar das mãos e dos pés, havia patas com quatro garras afiadas como navalhas. Seriam da mesma altura de um homem adulto se não andassem sempre encurvados, como corcundas. Os monstros se comunicavam por meio de um zumbido sinistro, como o de um grande inseto, e se alimentavam da carne dos mortos.”

Trecho de Noite sem Fim – Capítulo II –  A cadeira de madeira voltada para o mar

Os Knucks são criaturas monstruosas que vivem no Além-mar e que, de tempos em tempos, invadem a Vila trazendo morte e destruição.

Quando imaginei como seriam os monstros do Além-mar, tentei buscar o modelo de monstro que acho que gera mais terror. Para mim, a criatura mais apavorante é aquela que não aparece.

Quando eu tinha uns doze anos, lembro-me de assistir a um filme da Sessão da Tarde em que viajantes espaciais chegavam a um planeta remoto. Era um filme de ficção científica super antigo e com efeitos especiais toscos. Mas o roteiro era muito bom. Logo no início, os viajantes começavam a morrer mortes horríveis, com corpos mutilados e dilacerados (ahã, meio pesado para o horário). O mais interessante era que a tal criatura que fazia tudo isso nunca aparecia, nem de relance.

No final da história os (poucos) sobreviventes descobriram que a criatura era um “monstro do id”. Isso mesmo: fruto do inconsciente dos próprios astronautas. Um conceito inteligentíssimo e que tornou o monstro duplamente assustador.

Em “NOITE SEM FIM”, porém, a trama exigia um monstro que aparecesse e tivesse uma forma física. Por isso, recorri ao segundo tipo de monstro mais assustador: o bem horrendo (veja a ilustração acima).

Além disso, outras características tornam os Knucks medonhos:

1- Não têm propósito aparente:

Pelo menos no começo de “NOITE SEM FIM” não compreendemos o que os monstros querem. Um ser que mata com um propósito elusivo é tão enigmático quanto assustador.

2- São fortes e poderosos:

Isso é óbvio. A descrição física deles deixa claro que os Knucks não são o tipo com quem alguém queira arrumar confusão.

3- São inteligentes:

A pior notícia a respeito dos Knucks não é nenhuma das anteriores; é essa: são inteligentes.

Um ser poderoso, quase invencível em batalha e que ainda por cima é inteligente é um problema dobrado ou triplicado… Isso demora para ficar aparente na trama, mas aos poucos vamos compreendendo melhor os monstros.

Perguntas & Respostas – Noite sem Fim dezembro 5, 2011

Posted by rpellanda in Noite sem Fim, Notícias.
11 comments

Do que trata Noite sem Fim?

Noite sem Fim é o primeiro livro da série de fantasia O Além-mar.

O livro se passa na Vila, uma pequena cidade com características medievais à beira do mar.

A Vila encontra-se imersa em uma escuridão sem fim: é sempre noite na cidade.

A cidade vive sob a rígida lei dos Anciãos que ordena que a cada seis meses um galeão parta para o Além-mar. Os navios nunca retornam.

Por que motivo os navios partem para uma viagem sem retorno?

A partida dos navios a cada seis meses é a tradição máxima do regime Ancião e não deve ser questionada.

Nenhum cidadão respeitável da Vila faria esta pergunta.

Quem conta a história?

Martin tem quatorze anos e ficou órfão há seis meses quando o pai embarcou em um navio para o Além-mar.

Ao contrário de todos na Vila, Martin é apaixonado pelo oceano, o que talvez esteja ligado ao seu espírito aventureiro e explorador.

Martin era próximo do pai, mas agora tem que conviver com o fantasma de que conhecia pouco a seu respeito (afinal, que motivos tivera para embarcar em uma viagem sem volta?).

Quem são os amigos de Martin?

Maya é a filha do livreiro da Vila e amor impossível de Martin.

Omar, o melhor amigo de Martin, é doido por livros (principalmente se forem proibidos pelos Anciãos).

Qual o maior temor de todos na Vila?

O terror mais profundo, que habita o recanto mais sombrio da mente de cada um na Vila, tem um nome: Knuck.

Os Knucks são criaturas monstruosas que vivem no Além-mar e que, de tempos em tempos, assolam a Vila trazendo morte e destruição.

Em conversas de bêbados em tabernas, sussurra-se que são os monstros os responsáveis pelo desaparecimento dos navios.

Os Knucks são o principal motivo pelo qual os habitantes da Vila não gostam do mar.

Noite sem Fim é uma espécie de homenagem aos livros?

É isso mesmo. Noite sem Fim é uma declaração de amor aos livros e ao que eles representam. Na trama, os livros terão um papel central: Martin é apaixonado pela filha do livreiro; livros proibidos e um clube de leitura são o ponto de partida para muitas descobertas e assim por diante.

E quanto ao segundo livro que conclui a série?

O Primeiro Amanhecer (O Além-mar #2) conclui a série. Em breve o livro também estará disponível no Kindle.

No final de Noite sem Fim, o leitor encontrará, como uma prévia, o prólogo do livro dois.

Como faço para saber mais sobre o universo de Noite sem Fim e do Além-mar?

Visite o site: www.robertopellanda.com.br

Aqui no blog, https://rpellanda.wordpress.com, existem artigos detalhados a respeito de tópicos específicos do universo da série.

No blog também é possível baixar o primeiro capítulo na belíssima diagramação da Tarja Editorial.

Ainda é possível comprar o livro físico da edição esgotada da Tarja?

Na página “Comprar” aqui do blog tem uma lista com vários pontos de venda. Como a edição está esgotada, porém, não há como garantir que os livros ainda estejam disponíveis.

A maneira mais prática e garantida de mergulhar no universo do Além-mar é com a versão ebook de Noite sem Fim na Amazon.

 

Noite sem Fim – Apresentação dezembro 3, 2011

Posted by rpellanda in Notícias.
add a comment

Melhor do que tentar enquadrar Noite sem Fim em um único gênero literário é explicar do que se trata a história.

A Vila é uma pequena cidade com características medievais: calçadas de pedra iluminadas pela luz amarelada de postes com lampiões pendurados. Os habitantes da Vila vivem envoltos por uma escuridão eterna: é sempre noite na cidade.

A Vila vive sob a rígida lei dos Anciãos: a cada seis meses, um galeão deve partir para o Além-mar. Como todos sabem, os navios nunca retornam.

A história é contada pelo ponto de vista de um garoto de catorze anos, Martin, que se tornou órfão há seis meses quando o pai embarcou em um navio para o Além-mar. Como personagens centrais, além de Martin, existem Maya, a filha do livreiro da Vila (e amor impossível de Martin) e Omar, o seu melhor amigo.

O livro é centrado no trio e irá focar no seu amadurecimento e na poderosa amizade que os une. A trama seguirá a jornada de Martin em busca de repostas: por que o pai foi voluntário em um navio? O que há por trás do terrível regime Ancião? Quem são os monstros que vivem no Além-mar e que, de tempos em tempos, incursionam na Vila trazendo morte e destruição?

A jornada de Martin será também interior: as respostas que ele busca o farão crescer e darão sentido ao seu passado. No longo e perigoso caminho, o apoio de Maya e Omar serão decisivos.

Noite sem Fim é, antes de mais nada, uma declaração de amor aos livros. Ao longo de todo o desenrolar da trama eles estarão presentes: Martin é apaixonado pela filha do livreiro; livros proibidos (e um clube de leitura) são o ponto de partida para muitas revelações; Martin descobre que, no passado, seu pai havia sido o fundador de uma importante editora de livros proibidos da Vila.

A epopeia de Martin, Maya e Omar trata de amor, coragem e família e creio que terá apelo ao público adulto e adulto jovem em igual medida

Informações completas a respeito do universo da série estão em:

www.robertopellanda.com.br